09 abril, 2018

RESENHA | O Novelo do Verbo - Diego Guerra

Título: O Novelo do Verbo.
Autor: Diego Guerra.
Skoob: 4/5.

Para você o que é a poesia? O que ela representa e transmite?

Para Guerra, é um emaranhado de palavras, versos e estrofes, que ganham vida através do leitor.

Essa Antologia é dividida em 6 capítulos e contendo mais de 100 poemas, que passeiam por diversos temas cotidianos e transmite suas opiniões, desde o lado romântico até a crítica política. Além de um sétimo capítulo reservado para algumas prosas.

A contemporaneidade confere liberdade artística ao poeta, a chamada licença poética, sem ficar preso às rígidas regras e formas fixas das obras clássicas. Guerra se utiliza de estruturas já conhecidas, como por exemplo o soneto (que é minha composição favorita), mas ao mesmo ousa e é capaz de “brincar” com as palavras, criando novas formações.

Na nota de abertura, o autor já quer transmitir essa liberdade ao leitor, convidando-o a ler os textos de maneira aleatória, mesmo que exista a divisão em partes, e também a escrever suas próprias notas, dar a sua interpretação (mas eu confesso que não tenho coragem para rabiscar um livro).

Os meus poemas favoritos foram os do primeiro capítulo, que trata principalmente do amor,  até porque sempre preferi dois principais tipos de poesias, as românticas e aquelas que tratam do pessimismo e da morte. Mas é claro que tudo isso varia de acordo com o leitor.

Essa edição de O Novelo do Verbo está esgotada, mas em breve a segunda edição estará chegando, com nova capa e alguns poemas extras.




Guerra também é autor dos contos "Os Pés de Carolina" (Clique Aqui) e "Cecita" (Clique Aqui).


8 comentários

  1. O livro traz uma proposta bem bacana, gosto de ler poemas e ainda mais se forem de temas diversos, pois desta forma, atraí a atenção do leitor e nos faz refletir sobre vários assuntos!!

    ResponderExcluir
  2. Bom dia Fernando!
    Esse livro eu já estava querendo comprar faz um booom tempo quando vi a resenha em alguns igs, achei a capa e a premissa bem bacana, e as opiniões positivas sobre a história só aumentaram ainda mais a minha vontade de ler. Bjs

    ResponderExcluir
  3. Olá Aline, tudo bem?
    Esse livro parece ser muito interessante, essa capa é muito linda!
    estou procurando alguns livros como esse para ler, já estou anotando na minha listinha de compras.

    Beijos e abraços
    http://vickyalmeida.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi, Fernando.

    Essa forma do autor contextualizar seus poemas, acho que acaba trazendo mais sintonia ao leitor, no decorrer da leitura.

    ResponderExcluir
  5. Oi Fernando.
    A proposta do livro é bacana, e sendo sincera também acho mais interessante ler os poemas aleatoriamente, para não ficar cansativo, mas não é um formato de texto que me atrai infelizmente, confesso que poemas tem sua beleza, mas prefiro textos longos...
    Beijo

    ResponderExcluir
  6. Não sou uma leitora assídua de poesias e poemas, mas gosto de ler uma ou outra de vez em quando. Nem sempre eu tenho ânimo para sentar e ler um livro do gênero inteiro, mas já o fiz e adorei.
    Gostei demais das que vc nos apresentou, principalmente "Companhia".

    Beijocas,
    Fabi Carvalhais
    pausaparapitacos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Oi!
    Não leio muito poesias e poemas, mas acho legal, e esses foram bonitos.
    Gostei demais, talvez eu leia um dia desses, embora não esteja tão dentro do que eu leio, é sempre bom inovar, não?
    Beijos <3

    ResponderExcluir
  8. Boa noite Fernando
    Não curto poesia, mas gostei da sua resenha, a capa do livro é muito bonita, gostei desse azul
    Gostei de citar a liberdade que o autor transmite

    ResponderExcluir

Copyright © 2018 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo