05 junho, 2018

RESENHA | Versão 2.0 - Jhefferson Passos

Título: Versão 2.0
Autor(a): Jhefferson Passos
Editora: Amazon
Páginas: 13
Gênero: Contos / Ficção científica / Suspense e Mistério
Ano: 2018
Skoob
Ebook cedido pelo autor
Sinopse: Em um mundo onde a doença do envelhecimento foi vencida, Cesar é um homem de meia idade empolgado para atualizar seu Nostradamus, um software implantado no cérebro capaz de prever possíveis acidentes, pequenos incidentes e assassinatos até um ano no futuro.
Seria o melhor seguro de vida já criado?
Talvez, isso não seja exatamente um privilégio.
Cesar irá descobrir que a mínima intervenção terá consequências assustadoras.
Somos, realmente, donos de nossas ações?
Temos o direito de interferir em nosso próprio destino por mais sutil que seja?
                     
Quantas pessoas dariam tudo para controlar o próprio destino? Saber de acidentes desde os mais simples a fatais e poder evitá-los? 

'"Dias, meses ou mesmo anos do passado não podem ser alterados, pois já aconteceram. Lembre-se, senhore Cesar, sempre para frente como um rio." [...]
- Mas o curso de um rio pode ser alterado.'

Cesar está com uma versão beta de um software introduzido no seu cérebro, mas ele quer ir além, essa versão beta só cobre dois meses e somente acidentes simples, e a novidade é o Nostradamus versão 2.0, cobre dois anos e além dos acidentes mais simples como cortar o dedo com uma faca, ou tropeçar, cobre também acidentes fatais.
Mas o que Cesar não sabe é que vai pagar um preço muito alto para controlar seu futuro, e não estou falando das 12 parcelas que ele fez para pagar a versão 2.0, esse preço vai muito além do que qualquer pessoa pode imaginar.



Versão 2.0 é um conto de ficção onde o autor trouxe em suas 13 páginas a alta tecnologia, e conseguiu explorar muito bem isso. Esse software é uma inovação, o verdadeiro progresso.
E nessa narrativa pude perceber o quanto estamos próximos a um mundo assim, um mundo onde nossos desejos podem ser realizados mesmo que isso seja algo muito excruciante.

A ideia do autor é muito boa, mas achei a leitura um pouco corrida demais, acho que mais algumas páginas com o personagem principal mais trabalhado, ou esse mundo que o autor criou mais elaborado iria tornar a leitura ainda mais agradável. Fiquei com vontade de conhecer mais esse software, conhecer mais o Sr. Cesar (só César, desculpa (leiam para entender) haha). Sei que contos são pequenos, mas Versão 2.0 pede por mais, é muito bom para parar aí.

Gostaram? Me conta aqui nos comentários.

Confira a entrevista com o autor AQUI

Instagram do Autor | Aonde Comprar: Amazon

Beijos!

15 comentários

  1. Aline!
    O plot do livro realmente é muito bom, uma ficção bem criativa e próxima da realidade.
    O fato de ser um conto deixa mesmo essa sensação que poderia ser mais bem desenvolvido.
    Quem sabe ele lança um livro baseado no conto?
    Desejo uma semana repleta de realizações!
    “O que eu sinto eu não ajo. O que ajo não penso. O que penso não sinto. Do que sei sou ignorante. Do que sinto não ignoro. Não me entendo e ajo como se entendesse.” (Clarice Lispector)
    cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA JUNHO - 5 GANHADORES
    BLOG ALEGRIA DE VIVER E AMAR O QUE É BOM!

    ResponderExcluir
  2. Oi Aline!
    Achei bem interessante essa história, mesmo eu não lendo muito desse gênero eu leria ele.a capa é um pouco diferente e a sinopse me deixou curiosa para ler. Bjs

    ResponderExcluir
  3. Nossa, que interessante! Já li umas coisas futurísticas, mas nada desse tipo. Achei muito bem elaborado essa ideia de um software capaz de nos assegurar de certas coisas, mas eu não sei se teria coragem de atualizar para a Versão 2.0 hahahah

    ResponderExcluir
  4. Adorei, estava procurando para ler um conto ou crônica, pois eu gosto muito. E esse conto é um tema que ainda não li e fiquei com vontade de ler por conta da sua resenha. :)

    ResponderExcluir
  5. Olá.
    A premissa do conto é muito boa, mas achei muito curto. Só 13 páginas? Eu realmente iria sentir falta de um maior desenvolvimento da história.
    Adorei a capa.
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Sempre tenho um medo - ao se tratar de livros curtos - do autor não conseguir fechar a história. Principalmente se o livro não tem continuações. Percebi, pela sua resenha, que apesar de você ter gostado do livro ele não atendeu a todas as suas expectativas justamente por isso. Por esse motivo apesar de eu querer dar uma chance ao livro, não será num futuro próximo..

    ResponderExcluir
  7. Atualmente eu tenho virado a maníaca dos contos, tô sempre lendo um. A única coisa ruim dos contos e essa coisa de ser corrida demais e as vezes a história precisa de mais páginas, assim como foi com esse pra você. Esse daí eu não me interessei pra ler porque não sou tão fã de ficção científica!

    ResponderExcluir
  8. Nossa eu amei, se só lendo sua resenha eu já fiquei triste por ser um conto e portanto ter poucas páginas, imagino você que já leu.
    É uma coisa nova e muito interessante, seria melhor se não fosse conto (não gosto muito de contos), mas vou baixar e ler esse.
    Amo coisas que envolvam a tecnologia e a ciência😍😍😍.
    E você como sempre trazendo livros ótimos que nos deixa com uma vontade enorme de ler e der na estante.

    ResponderExcluir
  9. Olá, tramas que se tratam de futuros tecnológicos precisam ser minuciosamente trabalhadas para que o conteúdo seja crível. Aqui temos uma proposta bastante inovadora, porém acredito que uma parte 2 do conto é pertinente para que o leitor sinta firmeza na leitura e no conceito criado desse software. Beijos.

    ResponderExcluir
  10. Achei a història bem legal, porém fica o ponto negativo por ser corrido demais. Talvez se fosse mais trabalhado, daria um livro òtimo, até com outros volumes, pois na minha opinião teria història para isso.

    ResponderExcluir
  11. Você adora esse autor né? Já percebi isso
    gostei da resenha
    parece que estamos muito próximos de algo assim acontecer
    mais um para a lista de desejados
    sei que é conto
    mas poderia ter o físico né? rs

    ResponderExcluir
  12. Deve ser um conto bem interessante e achei bem interessante a questão desse avanço científico em combate das doenças causadas pelo envelhecimento Já estou cheia de e-books para ler na Amazon e esse acabou de entrar na lista

    ResponderExcluir
  13. Achei a ideia bem interessante, apesar de não ser muito original. O gostinho de quero mais, apesar de ser um possível defeito da narrativa, pode também ser encarado como algo positivo. Afinal, ninguém iria querer ler mais de uma história ruim, certo? Fiquei bem curiosa pra conhecer a trama e o personagem.

    ResponderExcluir
  14. Eu gosto muito de contos. Acho que talvez a ideia seja boa demais e tem tanto pra ser desenvolvido que as poucas páginas foram poucas pra isso. Eu achei muito interessante a ideia e tenho certeza que daria enredo pra um livro todo, quem sabe não rola. Quero ler.

    ResponderExcluir
  15. Oi Aline
    13 páginas é pouco mesmo, ainda mais quando gostamos da história e escrita do autor
    não sou fã do gênero, mas por ser curto eu daria uma chance

    ResponderExcluir

Copyright © 2018 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo