06 setembro, 2018

CRÍTICA DO FILME | A Barraca do Beijo


oioi gente, tudo bem com vocês?
A Barraca do Beijo foi um filme muito comentado nas redes sociais, muitos elogios e algumas críticas negativas. Eu não li o livro mas assisti o filme, e hoje conto a vocês a minha opinião sobre essa comédia romântica, um tanto quanto clichê mas que foge do 'padrãozinho'.


Lee e Shelly se conhecem desde sempre, suas famílias são amigas a anos, e eles cresceram juntos, sendo melhores amigos. Eles possuem regras na amizade, como: não contar seus segredos para mais ninguém, ou não se envolver/namorar/ficar com ninguém da família um do outro. Mas essa regra vai por água abaixo quando Elle se vê apaixonada por Noah, irmão mais velho do seu melhor amigo; Quando isso acontece? Com um beijo na Barraca do Beijo!



É então que começa todo aquele clichê de namorar escondido, mentir para o melhor amigo, sentimento de culpa, e muito mais. 


Elle tem uma personalidade forte, Lee é aquele personagem fofo, e Noah o famoso Bad Boy, que adora uma briga e tem uma personalidade instável. 
O filme conta com algumas cenas desagradáveis. Logo no inicio a calça de Elle rasga e sua única opção é uma mini saia que também faz parte do uniforme escolar. Ela chega na escola e chama atenção dos garotos, que começam a soltar piadinhas e um até aperta a bunda dela. Nisso Noah aparece como herói do dia e bate no cara. Elle além de perdoar o garoto que abertou sua bunda, aceita sair com ele. Achei isso muito errado, porque fica claro o desconforto da garota na hora do ocorrido. Mas confesso que a forma de se desculpar foi hilária. 
Noah é muito controlador também, se alguém sair com Elle, apanha. E no filme não explica o porque dele ser assim, em uma cena ele diz apenas que seus pais procuraram ajuda, mas não descobriram o motivo de toda essa raiva contida. 

Mas vamos falar um pouco dos melhores amigos? Algo que gostei muito (e foi bem diferente do convencional) é a questão de nunca ter acontecido nada entre Elle e Lee, eles são melhores amigos apenas, provando que amizade entre homem e mulher existe sim; nunca tiveram sentimentos escondidos um pelo outro. Isso me deixou muito feliz, porque um triangulo amoroso aqui, poderia estragar tudo. 



Eu adoro um clichê, então eu gostei sim do filme, se desconsiderar as cenas desagradáveis, podemos ter uma experiência muito agradável e dar boas risadas com esse filme.
A atuação foi algo que me agradou, sei que muita gente não gostou da atuação do Jacob Elordi (Noah), mas eu adorei. Ele deu vida ao personagem de forma bem prazerosa, e fez um par lindo com a Joey King (Elle). 

O livro nasceu do Wattpad, e a autora tinha apenas 15 anos, e não podemos negar que o filme foi um sucesso. 

Vou ler o livro em breve e trago a resenha para vocês. 

Quem aí já assistiu o filme? Gostou? Me conta tudo aqui nos comentários. 

Beijos!

14 comentários:

  1. Oii!
    Ainda não vi o filme ... E nem li o livro tbm...
    Tenho vontade de ler apenas por conta dos comentários sobre a história, espero curtir o livro e tbm o filme...
    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Vi o filme assim que ele se tornou um fenômeno na internet. Tudo rolava em torno do longa e mesmo já tendo passado bem da idade, adorei o clichê..rs
    Filme leve, descontraído e com cenas engraçadas e um final que a gente quer morrer. rs Mas? Super indicado para todas as idades!
    Espero poder ler o livro também!
    Beijo

    ResponderExcluir
  3. Oi, Aline!
    Assisti este filme bem no início do lançamento, e concordo com muitos pontos que você falou. Há algumas cenas desagradáveis entre Elle e Noah, como na cena que ele bate com força no carro chamando ela para entrar etc. Mas enfim, também adorei o filme, tirando essas partes é bem gostosinho de assistir.

    Beijos
    Cantinho da Escrita

    ResponderExcluir
  4. Eu assisti o filme 1° para depois ler o livro; depois dessa é certeza que não vou fazer isso. Prefiro me decepcionar com o filme do que com o livro.
    Eu gostei muito do filme, colocaram elementos que deram vida a história. E eu gargalhei muito.
    Também concordo que teve alguma partes desconfortáveis.
    Espero que goste da leitura.

    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Não li o livro, mas assisti o filme e achei bem fofo. Também achei muito engraçado como o menino se desculpou com Elle; ela até aceitou sair com ele para provocar Noah, mas bem que podia ter feito isso de outro jeito né?! Concordo com vc de algumas cenas desconfortáveis, mas gostei do filme de maneira geral. Saber do romance dos personagens na vida real deixou toda a história com bastante química.

    ResponderExcluir
  6. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  7. Oiie!
    Bom eu ainda não vi o filme é nem li o livro mas já ouvi super elogios bons sobre o filme.
    E como você disse se trata de um romance clichê e eu gosto de romanceser clichês.
    Bom gostei das regras entre os amigos (Elle e Lee) mas infelizmente não podemos escolher por quem vamos nos apaixonar.
    E eu ñ sei se acho o Noah fofo por defender a Elle ou um bruto.
    Mas assim que eu puder verei o filme.

    ResponderExcluir
  8. Assisti quando estava aquela febre, fiquei curiosa rs. Gostei e me diverti achei uma graça, a amizade entre os personagens é muito bonita. Não gostei dessa regra de não se envolver com alguém da família deles, afinal o amor acontece quando menos se espera e não da para escolher rs.

    ResponderExcluir
  9. Eu também adoro estes clichés românticos, por isso deduzo que vá gostar do filme *.*

    THE PINK ELEPHANT SHOE

    ResponderExcluir
  10. Oi Aline!
    Eu fico com muita vontade de assistir mas filmes assim prefiro ler primeiro o livro para depois assistir ao filme.

    ResponderExcluir
  11. Olá! Apesar de todo burburinho em relação a esse filme, ainda não conferir a história, mas achei muito interessante descobrir que foi baseado em um livro escrito no wattpad, e por uma autora tão jovem. Acompanho algumas histórias por lá e ficaria bem feliz em poder ter a oportunidade de conferir alguns dos meus personagens favoritos criarem vida.

    ResponderExcluir
  12. Olá Aline, nossa as cenas que citou são mesmo constragedoras, mas achei a menina uma safada por querer sair com o cara depois disso kkkk. Eu já ouvi. falar. muito sobre. o livro e o filme. mas nunca assistir e também nunca li.

    ResponderExcluir
  13. Dos filmes teens esse foi o que não ainda vi, mas espero poder conferir em breve, pois é aquele tipo de filme clichê para a gente aquecer o coração e terminar com aquele sorriso bobo no rosto. Depois da tua postagem não perco de olhar ele no final de semana ♥ Uma fofura só essas fotos =)

    ResponderExcluir
  14. Aline!
    Faz tanto tempo que não assisto um YA tão delicinha e gostosinho como esse, afinal, acabei enjoando por todos serem bem iguais.
    Acho que me arriscarei a ver o filme.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir