22 janeiro, 2019

RESENHA | Preciso te contar - Jonas Zair Vendrame

Título: Preciso te contar
Autor: Jonas Zair Vendrame
Editora: Amazon
Páginas: 17
Gênero: Contos / Drama / Ficção
Ano: 2018
Skoob
Sinopse: É a semana do natal e Andrey precisa muito contar algo às pessoas que são importantes em sua vida. Mas o que parece ser algo fácil de se fazer acaba por se tornar uma tarefa árdua, já que ninguém parece estar com tempo ou com disponibilidade para ouvi-lo. Um conto que retrata a nossa realidade e atualidade de maneira nua e crua. É preciso perder para se dar valor? Descubra a resposta juntamente com Andrey.
    
"Você está disposto(a) a escutar as pessoas ao seu redor? Um conto comovente. Terminei de ler com lágrimas nos olhos e dor no coração. Valorize quem você ama!" - Minha frase para o conto na Amazon.

O natal chegou e Andrey organizou a ceia com muito carinho para toda à família; Ele tinha algo extremamente relevante a dizer, mas infelizmente as pessoas estavam mais preocupadas em comer... Chegou a hora da foto em família, mas quem iria tirar a foto? Todos estavam dando desculpas. A noite não acabou como Andrey imaginava. Durante toda a semana ele tentou falar com pessoas importantes para ele, pessoas que ele acreditou que estariam sempre dispostos a escuta-lo. O que Andrey tem a dizer? Por que essas pessoas não param para escuta-lo? E você leitor, está disposto a ouvir Andrey?


Preciso te contar é um conto obrigatório para todas as pessoas. A narrativa é uma mistura de drama e mistério em relação ao que Andrey tem para revelar que me deixou fissurada até o último ponto final. Eu me coloquei no lugar do personagem e terminei a leitura muito emocionada, o Jonas tem o dom de me fazer chorar em seus contos/livros. Pasmem, o autor não escreve só terror e suspense, O Telefonema que Não Fiz e Preciso te Contar são exemplos disso, alguma dúvida do porque ele é meu autor favorito?! Ele manda bem em tudo o que escreve, tem o dom de prender o leitor em suas histórias e escrever com uma destreza que me faz querer ler até a sua lista de compras.

Preciso te contar é uma lição de vida, comecei a ver algumas coisas de forma diferente, e estar mais disposta para pessoas que precisam de mim. Andrey é um personagem adorável que me deixou com uma pergunta em mente 'quantos Andrey's já passaram pela nossa vida, ou quantos ainda vão passar?'. Sempre que leio histórias parecidas ou nesse sentido fico impressionada em como as pessoas estão cada vez mais orgulhosas e desumanas.

Indico a leitura para todos, leiam e depois me contem o que acharam.

Aonde Comprar: AMAZON 

Beijos!

20 comentários

  1. Olá Aline!
    Podemos perceber que essa é uma história bem profunda, capaz de aflorar diversos sentimentos e mudar atitudes. O fato de o enredo ser permeado pelo natal faz tudo ficar ainda mais emocionante. Admiro muito autores que se arriscam em vários gêneros, assim todos podem conhecer seu trabalho e genialidade. Num mundo com cada vez menos empatia Preciso te contar se torna leitura obrigatória.
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Ainda não li nada do autor, mas conseguiu despertar meu interesse.
    Gosto de drama, gosto de leituras que venham para somar e ensinar. E essa leitura parece bem sensível, delicada.
    Fiquei curiosa.

    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Como um conto tão curtinho pode apresentar tanto??
    Sou fascinada por contos,mas normalmente leio os de terror ou suspense!
    Digamos que os de drama, quase não leio. Por isso, fiquei encantada com tudo que li acima, até por apresentar algo tão real.
    Quantas vezes não temos quem nos ouça ou vice-versa, não damos ouvidos a quem precisa.
    Com certeza, deu muita vontade ler e se tiver oportunidade, quero muito poder conferir!!!
    Beijo

    ResponderExcluir
  4. Olá, Aline!

    Preciso te contar! Vou correr pra ler esse conto!

    Obrigado pela indicação.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  5. Parece legal esse conto pela forma como deixa uma curiosidade e ainda trás boas lições. Parece deixar um sentimento legal na gente, de fazer pensar. Bem interessante isso nele. Um conto bom pra se ler pelo visto.

    ResponderExcluir
  6. Achei muito triste a história de Andrey,embora, seja verdade como muitas das vezes, até mesmo nós vida real, sem perceber não damos a devida importancia para quem está sempre ali ao nosso lado.
    Como no caso de Andrey, os seus amigos e familiares só tinha cabeça para os próprios problemas e não queriam ouvir o que ele tinha a dizer.
    Realmente o Jonas nos fazer refletir de uma forma tão tocante que nos faz reavaliar nossas próprias atitudes para com os nossos.

    ResponderExcluir
  7. Olá Aline!
    Adoro quando uma obra faz com que o leitor reflita acerca de algum assunto recorrente na atualidade, e Zair parece fazer isso com primor, mesmo em um número tão limitado de páginas. O leitor quase que instantaneamente se identifica com o leitor, visto que é muito comum, nos tempos modernos, as pessoas não darem atenção a nada que lhes traga benefício.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  8. Gente, parece ser um conto emocionante mesmo.

    Já tinha ouvido falar, mas não fui atrás justamente por eu também me por no lugar do personagem, choro junto e prefiro evitar isso rs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aliás, vou aproveitar e buscar pelas obras de terror e suspense que você cita.

      Excluir
  9. Esse conto parece mexer com a mente e as emoções do leitor, me coloquei no lugar do personagem, ninguém dá atenção quando se precisa é muito triste isso, depois se arrependem. Me despertou curiosidade esse mistério sobre o que o personagem queria dizer. Leitura bem válida com reflexões sobre a vida e o que realmente importa nela.

    ResponderExcluir
  10. Oi, Aline!
    "Terminei de ler com lágrimas nos olhos e dor no coração.", confesso que não curto histórias nesse estilo, é que sou uma manteiga derretida e por isso evito ler livros que sei que vão me emocionar e abalar o meu emocional, mas eu gosto de contos e se eu tiver a oportunidade de ler Preciso te contar - fiquei curiosa para saber o que Andrey deseja contar aos seus familiares - vou arriscar a leitura sim, mas antes terei que me preparar psicologicamente para embarcar na história de Jonas Zair Vendrame... Abraços!

    ResponderExcluir
  11. Com certeza é uma leitura obrigatória! Ás vezes um momento de pressa que não te faz ouvir o que o outro tem a dizer, pode ser o fim de algo e só vamos perceber o erro quando tiver acontecido.
    Também fiquei curiosa pelo que Audrey tem a contar pra família. Quero muito ler!

    ResponderExcluir
  12. Oi, Aline!!
    Que conto mais realista, adoro histórias que nos fazem parar para pensar e querer ler o mais rápido possível. Sem dúvida vou querer saber o que o Andrey que dizer e que infelizmente as pessoas ao seu redor não tem tempo para ouvir, lamentavelmente essa é uma triste realidade.
    Bjos

    ResponderExcluir
  13. Já fiquei com vontade de ler o conto, pois se assemelha muito com o que vemos no dia a dia!! Todos acabam vivendo suas vidas na correria sem dar importância ao que realmente importa!! Sempre temos que ter tempo pra quem amamos!!

    ResponderExcluir
  14. Uma bela reflexão As pessoas se perderam dentro de suas mentes E hoje vivem para si mesma, numa frustrante tentavia de se encontrar em um mundo em que todos estao perdidos e isso virou algo normal. O egoismo se adentrou no nosso DNA precisamos nos abrir mais e ouvir mais os que estão ao nosso redor, uma bela história com certeza.

    ResponderExcluir
  15. Caramba!! Já estou curiosa para saber o que Andrey tem a dizer para as pessoas ao seu redor.
    Pra você ter terminado a leitura com lágrimas rolando, é porque o conto é incrível mesmo!!
    Adorei conhecer mais uma história que com certeza irá me fazer repensar muitas coisas na minha vida e como você disse: prestar mais atenção nas pessoas ao meu redor.

    Bjos

    ResponderExcluir
  16. Uma história bem real que pode esta acontecendo conosco ou com alguém que conhecemos. Não curto muito dramas ou livros tristes, mas tem coisas que precisamos ler e tomar aquele choque da realidade.

    ResponderExcluir
  17. Parece ser um conto lindo.
    Gostei muito da sua resenha e já fiquei aqui imaginando o por que de não ouvirem o Andrey.
    Parece ser algo bem forte e complicado e que nos deixará bem chocados e emocionados no final.
    Assim que der, vou comprar!
    bjs

    ResponderExcluir
  18. Que fofo esse porquinho da Índia, meu irmão tem um, é tudo para o pequeno.
    Mais um autor que eu nunca ouvi falar, mas por ser conto e ter na Amazon vou comprar. Acredito muito no que disse na resenha, as pessoas deveriam ouvir mais as outras. Gosto de histórias onde a realidade aparece nua e crua.

    vlw

    ResponderExcluir

Copyright © 2018 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo