24 agosto, 2018

CRÍTICA DO FILME | Para Todos os Garotos que já Amei



Oi, tudo bem com vocês?
No dia 17 desse mês (agosto), teve a estreia de Para Todos Os Garotos Que Já Amei, um filme que eu estava muito ansiosa para ver (obrigada Netflix), li os dois primeiros livros a algum tempo, e as expectativas estavam altas referente à adaptação de uma história que eu tanto gostei, mas será que o filme me agradou?


Lara Jean escreve cartas de amor sempre que se apaixona, até agora escreveu cinco. Ela guarda em envelopes com o endereço de destinatário, e é seu segredo, ela não envia as cartas por ser algo pessoal, e ela odiaria alguém lendo suas palavras de amor; As cartas são uma forma que ela encontrou de desabafar sobre sentimentos que muitas das vezes nem ela compreendia. Sua irmã, por amor, envia as cartas. É aí que começa o caos na vida da nossa protagonista; entre essas cartas, está uma para seu melhor amigo, e namorado de sua irmã. Lara se desespera e sua única solução (aparentemente) é começar um namoro fake, com outro garoto que ela também escreveu uma carta de amor. Lara quer apenas fugir dos problemas que essas cartas poderiam causar, e Peter quer reconquistar a ex-namorada, será que isso vai dar certo? Eles têm contrato e tudo gente, muito profissional não? haha.



O filme me conquistou pela simplicidade, nada aqui é forçado. Tudo acontece de forma natural, os problemas, as situações constrangedoras, tudo na medida certa. Lana Condor deu vida a nossa protagonista com louvor.


O filme têm seus clichês, como: o garoto bonito e popular que sofre pela ausência do pai; a irmã mais velha que vai fazer faculdade e tenta ser madura deixando a família e um grande amor para trás; um pai descolado, que faz de tudo para criar suas três filhas sem a esposa; a garota popular do colégio que faz de tudo para separar o casal principal. E o que todos têm em comum? Inseguranças que a adolescência trás para qualquer um;
O filme conta com referencias aos anos 80, e mostra que em um mundo com tanta gente alienada em tecnologia o amor ainda pode ser real; os sonhos podem ser reais; e que a família é a base de tudo.

Como leitora posso falar que senti falta de muitas coisas, e até fiquei chateada com algumas mudanças, um exemplo, é que no livro, Kitty, a irmã mais nova de Lara, envia as cartas como forma de vingança, e não porque estava achando sua irmã muito solitária.
Como fã de Harry Potter, senti falta da cena do Halloween, onde Lara vai vestida de Cho, e Josh seu melhor amigo de Harry, fazendo ciúmes em Peter. Sem falar nos scrapbooks que Lara sempre fazia, algo que me motivou a fazer quando li o livro, ela é a louca dos cookies, e scrapbooks. E várias outras cenas, claro. Se quiserem posso trazer um post de filme x livro para vocês.

Se for assistir o filme, espere os créditos finais, a cena pós créditos indica uma continuação.
E se apaixonem por Peter Kavinsky e Lara Jean assim como eu <3


Já assistiu? Já leu os livros? Me conta aqui nos comentários!

Com amor, Lara Jean Line!

19 comentários

  1. Assisti este filme no final de semana e simplesmente adorei! Um filme leve, descontraído e natural, bem desta forma como você citou. Os personagens viveram de verdade o que lhes foi proposto e por isso, as cenas se tornaram naturais e leves, o que deixou o longa ainda mais fofo e delicado.
    Sim, há alguns pontos bem diferentes do livro,mas...por ser uma adaptação, é claro que fariam alguma meleca né?rs
    Nem sempre pode ser totalmente perfeito.
    Mas é sem sombra de dúvidas, um dos grandes presentes deste ano e mais do que recomendado.
    (E que a Netflix não demore com uma futura sequência)rs
    Beijo

    ResponderExcluir
  2. Eu ainda não assisti, mas li o primeiro livro (preciso retomar o segundo). Fiquei ansiosa desde a notícia da adaptação, é uma história que tenho muito carinho. Vi bastante gente comentando que foi muito boa. Sempre há algo que desanima nas adaptações e confesso que neste caso foi exatamente o que você citou, a cena do Halloween :')

    ResponderExcluir
  3. Assisti esse filme no dia que lançou e fiquei APAIXONADA!!
    Normalmente sempre perco a vontade de ler um livro após ver o filme, mas foi totalmente o contrário com essa história, fiquei muuuito ansiosa para ler os livros e ter a trilogia toda linda pra mim.
    Me apaixonei por Josh e por Peter (novo crush)! Fiquei impressionada como me identificar com Lara sobre as inseguranças (principalmente pra dirigir) e fiquei toda boba com a família que eles formam.
    Amei demais e estou com vontade de assistir esse filme todo dia <3

    ResponderExcluir
  4. Eu queria muito ler os livros antes de assistir ao filmes, mas infelizmente não vai ser possível haha. Vou assistir logo ao filme antes que eu acabe recebendo algum spoiler muito grande! Adoro esses filmes clichês, tem vários em minha lista de favoritos, creio que este seja mais um que vai entrar pra lista.

    ResponderExcluir
  5. Annyeong!
    Aline!
    Eu não assisti o filme pois quero ler a trilogia primeiro, as vezes gosto fazer isso.
    Mas acho o casal tão fofos juntos que até comecei a shippar eles na vida real. Rsrsrs

    ResponderExcluir
  6. Eu tenho o primeiro livro dessa trilogia, mas ainda não li, pretendo fazer isso antes de assistir ao filme. Gosto que, a princípio, a escolha dos atores foi bastante fiel a história original, acho que isso dá ainda mais credibilidade ao filme, principalmente com os leitores. É difícil fugir de clichês em filmes assim, mas eu confesso que até gosto de alguns. O que eu mais andei lendo é que o filme mistura vários gêneros e por isso proporciona momentos e sensações diferentes no espectador: acredito que esse possa ser o ponto alto do longa.

    ResponderExcluir
  7. Oiee!
    Confesso que não li o livro e nem senti vontade, apesar de todos os elogios que encontrei por aí. Porém quero muito ver o filme, quem sabe assim eu me anime para ler o livro.
    Bjokas!

    ResponderExcluir
  8. Eu ainda não li o livro e nem assisti ao filme, mas fico chateada quando o filme não é fiel ao livro, sei lá , acho que seria mais interessante se fosse fiel a história do autor (a) hehe.

    ResponderExcluir
  9. Não li e nem assisti ainda, mas estou ansiosa para assistir, li mutos comentários positivos, espero gostar. Fiquei imaginando como a personagem ficou após saber da entrega das cartas que situação, gostei por ter essas referencias dos anos 80 acho um dos melhores anos. Os atores parecem que foram muito bem escolhidos e que estão agradando.

    ResponderExcluir
  10. Oie, estou querendo ver esse filme, pretendo assistir essa semana ainda!
    Blog Entrelinhas

    ResponderExcluir
  11. Amei!!!
    Nunca vi os livros, mas depois que vi o filme me apaixonei. Tanto pela Lara Jean como o Kavinsky. Adorei a forma delicada como o filme foi feito, e engraçado ao mesmo tempo. Espero poder ler em breve os livros que so pelo filme me fez ficar apaixonada.

    ResponderExcluir
  12. Aline!
    Não li a série ainda e gostei muito da sua análise em relação ao filme, parece que conseguiu ser um tanto fiel ao roteiro do livro.
    Fiquei sabendo que terá a continuação em filme também.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  13. Eu adorei o filme e apesar de eu ainda não ter lido os livros quero ver eles mais Breves possíveis Adoro filmes de comédia romântica bem clichês adolescente me fazem suspirar muito e esse foi um deles Sinceramente foi um dos melhores do ano

    ResponderExcluir
  14. Olá! Ainda não vi o filme, e nem li os livros, mas a história parece bem fofa e divertida, cheia de clichês (que eu adoro!), a falta de algumas cenas que tinham no livro, mas não aparecem no filme, acredito que seja um incentivo para que possamos ler o livro, além de ver o filme. Quero me programar para poder ler os livros e assistir ao filme o mais breve possível.

    ResponderExcluir
  15. Olá, Aline
    Ainda não li a trilogia, mas assisti ao filme e adorei.
    Como você disse das cenas que tem no livro e não aprece no filme seria muito interessante vê-las.
    Todos os atores foram maravilhosos até eu gostei da ex-melhor amiga de Lara Jean e claro shippei o casal e amei Peter Kavinsky. Um garoto que é sensível e romântico apesar de seu ar de bad boy.
    Beijos

    ResponderExcluir
  16. kkkk Vi essa imagem de plano de fundo a semana inteira e o pessoal perguntando sobre os livros kkkkkkkkk Pode acreditar, apesar de tudo isso e já ter vistos posts, não os li e nao conhecia a história, pra falar a verdade, demorei a perceber a capa do livro, pra mima era só mais uma garota. Netflix nesse momento me faz falta kkkk, mas acho que até o fim do ano dou uma chance aos livros e quem sabe ao filme. Olha, essa hitoria de fake, sempre dá o que falar, problemas atras de problemas, e pessoas saindo feridas quando se trata de relacionamentos, fiquei curiosa com o "contrato" kkk, cara, gênio isso, poderia até abrir uma empresa pra namorados temporários kkkkkk

    Bjss

    ResponderExcluir
  17. Oi Aline,
    quero muitoooo ler essa trilogia!
    Parece ser tão lindinha.
    E agora que saiu o filme, tô gostando muito mesmo das críticas que tenho lido. Parece ser uma fofura maravilhosa!
    Já quero!
    Acho que vou assistir primeiro, e daí se eu gostar, vou ler.
    bjsss

    ResponderExcluir
  18. Quero muito assisti esse filme, o livro ainda não sei se vou ler. Gosto a história desse livro, é bem adolescente, o que gosto. Não sabia que era uma trilogia, o que torna melhor ainda.

    ResponderExcluir
  19. Oi Aline
    Eu sou apaixonada pelo livro, e esperei das 4 da manhã para assistir ao filme. Eu gostei e não gostei, me entende? Não né?
    Por exemplo, eu amei as escolhas dos personagens, as cenas fofas, mas poxa vida, eram donuts e não chá. Estou triste até agora.
    Mas eu já deveria estar acostumada, e por favor, trás sim o post de filme x livros.
    Bjosss

    ResponderExcluir

Copyright © 2018 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo