06 abril, 2018

ENTREVISTA #19 | Autora Katia Simões Parente



1 - Como você percebeu que queria ser escritora?
Quando criança gostava muito de ler e nas brincadeiras de rua, que naquela época eram bem frequentes, eu criava histórias como "o navio fantasma", "castelo mal assombrado" e coisas do tipo. Cheguei a criar cadernos com historias em quadrinhos, além de ter boas redações no colégio. Mas às vezes tomamos caminhos estranhos, no meu caso fui fazer engenharia química, mesmo assim a leitura continuou me acompanhando. Quando fiquei um período sem trabalhar vi a oportunidade de usar meu tempo para criar uma narrativa, que além do suspense também fala um pouco de mim. Então percebi que poderia escrever, que isso era possível.

2 - Qual de seus personagens é seu favorito? Por que? O que ele significa para você?
Até o momento é a Maria, protagonista do livro Em busca da fotografia perfeita, pois certamente ela tem muito de mim, ou talvez, muito do que eu gostaria de ser.
No entanto, há uma personagem a ser publicada no meu segundo romance que está tomando conta do meu coração (rsrsrs), ela se chama Lua e é bem diferente, mas talvez tão forte quanto, ou mais, que a Maria. 

3 - Foi difícil chegar até uma editora e publicar seu livro? Conte um pouco dessa experiência no mercado editorial.
Bom, na verdade pesquisei na internet e descobri algumas editoras, a que me atraiu foi a Chiado, mas todas que se propunham a publicar eram pagas. Resolvi arriscar, porque entendi isso como um investimento a longo prazo, não esperava ter o retorno financeiro logo de inicio.
E os novos escritores devem ter em mente que precisarão fazer uma divulgação forte do seu trabalho. Devem ser escritores e também devem ser a sua própria área comercial, junto com a ajuda dos amigos e parentes, pois é um trabalho diário para que seu livro seja conhecido no meio literário. 

4 - Existem muitas cobranças por parte dos seus leitores? E qual é o feedback deles após a leitura? 
Isso foi o mais interessante. Tive feedback de todos os tipos, algumas pessoas adoraram, vieram me perguntar quando sairia o segundo livro com a continuação. Outras pessoas fizeram uma análise que eu mesma não havia notado, comentaram sobre a trajetória da personagem para atingir seu objetivo, pois na vida sempre haverá obstáculos, monstros e fantasmas a serem vencidos.
Mas também tive críticas pesadas, pessoas que me contaram terem "pulado partes do livro por que estava enrolando muito". 
Considerei todas as criticas, ouvi todas com atenção, inclusive as menos agradáveis de se ouvir, pois considero que devemos escutar tudo o que nos dizem, principalmente porque eu estou começando e ainda tenho muito o que aprender.

5- Por qual motivo escolheu esse gênero voltado para aventura? 
Então, acho que este gênero nos faz aprender coisas novas saindo da nossa realidade. Considero a literatura fantástica uma forma de relaxar a mente do stress do dia a dia, mesmo que nos traga alguma reflexão sobre os problemas que enfrentamos na vida, só o fato de não fazer parte da vida real já faz nosso espirito viajar no tempo e no espaço. Nos ensina que, na verdade, a vida é uma aventura.

6- É nítida a presença de um significado/mensagem na sua história, indo além do entretenimento. Como você enxerga essa importância de transmitir algo para o leitor?
Considero isso muito importante, acredito que a leitura é uma forma essencial de educação. Quando o leitor esta acompanhando um romance, ele aprende coisas novas, talvez porque tenha que pesquisar sobre os lugares que aparecem no livro, ou sobre a história daquela nação e cultura. Isso é aprendizado e é mais produtivo do que ler livros didáticos. Além disso, se nos fizer refletir quanto a alguma questão moral, ética ou ser um incentivo para lidar com nossos problemas, pode ser de extrema ajuda para o leitor, podemos ser melhores seres humanos após ler um livro. 

7 - Quais são seus projetos para um futuro próximo? Pretende lançar mais livros?
Sim, já tenho um livro pronto, finalizando as correções gramaticais. Pretendo enviar para a editora até o final de abril e espero poder fazer o lançamento no final deste ano.

8- Gostaria de deixar algum recado para os leitores do Blog, e para seus futuros leitores?
Meu recado é que continuem lendo!!! Leiam muito, leiam de tudo. Diversifiquem os gêneros, isso será muito produtivo. 
E caso tenham um sonho adormecido, não hesitem em acordá-lo, pois pode ser a melhor satisfação de sua vida!

Sobre a Autora:

Katia S. Parente é engenheira química e atua na área ambiental, tem como hobby viagens e leitura, e pensava muito sobre escrever seu próprio livro. Já escreveu livros e artigos técnicos para congressos, e então surgiu a ideia de escrever uma aventura,  levando-a a estrear no mundo da escrita com Em Busca da Fotografia Perfeita, uma história fictícia que incita a curiosidade e leva a questionamentos interessantes. 

10 comentários

  1. Oi, Fernando.

    Já conhecia o livro da autora em questão (mas não li), e agora, foi bom conhecer um pouquinho dela.

    ResponderExcluir
  2. Gostei da autora e principalmente porque ela ouve todas as críticas, sendo positivas e negativas para que possa aprimorar suas obras, isso é muito bom!! O livro dele parece nos proporcionar uma grande leitura!!

    ResponderExcluir
  3. Oi Fê!
    Eu não conhecia a autora e não imaginava que ela é a autora desse livro.
    Eu não cheguei a ler o livro, mas assim que eu tiver com ele em mãos vou ler com certeza após ver de onde foi que ela tirou inspiração para escrever ele. Gosto muito quando vocês fazem entrevista, pois assim podemos conhecer os talentos nacionais que escrevem essas ótimas histórias. Bom final de semana.

    ResponderExcluir
  4. Oi Aline.
    Acho tão legal conhecer um pouco de como a escrita conquistou os autores e como eles iniciaram esse processo... O que mais me cativou na Katia foi o fato dela conseguir ler e entender todas as críticas, até mesmo as negativas, entendo que tem leitores (se é que podemos chamar assim) que saem do limite, mas acredito que críticas construtivas só nos fazem melhorar, mesmo aquelas que não gostamos tanto!
    Concordo com ela, ler e leeer muito, rsrs.
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Adorei saber um pouco mais sobre a autora, e fiquei feliz em saber que ela levou (e leva) em consideração a opinião de seus leitores. Isso, certamente, fará dela uma escritora cada vez melhor!

    Beijocas,
    Fabi Carvalhais
    pausaparapitacos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Não conhecia a autora, mas nessa entrevista deu para ver a forma de escrita. Eu curti muito essa parte do blog, onde mostra um outro lado alem do livro.

    ResponderExcluir
  7. Oi Fer!
    Conhecia ela, adorei saber mais sobre. Já li a sua resenha sobre o livro dela e confesso que tenho vontade de ler.
    Sucesso para ela, beijos <3

    ResponderExcluir
  8. Olá Fernando,
    Adoro as entrevistas do blog, sempre conheço autores novos e é legal saber um pouco mais sobre quando eles começaram a escrever e conhecer mais trabalho sobre os trabalhos deles

    ResponderExcluir
  9. Boa noite Fernando
    Muito legal essas entrevistas que vocês trazem para o blog
    Gostei muito de conhecer a Katia, ela aceitar opiniões dos leitores é algo novo

    ResponderExcluir

Copyright © 2018 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo