29 junho, 2018

RESENHA | A Casa das Hostesses Guilty # 2 - Déborah Felipe

Título: A Casa das Hostesses Guilty # 2
Autora: Déborah Felipe
Editora: PenDragon
Páginas: 194
Gênero: Jovem adulto / Literatura Brasileira
Ano: 2017
Skoob
Livro cedido pela autora
Sinopse: A Casa das Hostesses é um prédio antigo de Tóquio que passa despercebido para aqueles que não o estão procurando e é parte de seu charme ser um lugar que sabe exatamente quem deseja conhecer a cada noite, como se fosse uma das hostesses que trabalha ali. Depois de assumir a presidência que nunca desejou da Takeshi, Souji está se esforçando ao máximo para não deixar o barco afundar, mesmo que isso esteja começando a afastá-lo de tudo o que ele mais preza na vida: seus amigos, Selina e da Casa das Hostesses. Com as péssimas experiências que seu próprio pai e sua ex-noiva o fizeram passar, ele ainda luta diariamente contra o medo de fracassar e de perder tudo que caiu em suas mãos de repente. Um novo cliente aparece na boate e é ninguém menos que Hikari Yune, o homem que pode tanto ajudar quanto arruinar tudo para Souji. Yune é um homem maduro e sedutor que passa a frequentar à Casa das Hostesses e cai de encantos por Selina. A todos os clientes assíduos... Sejam bem vindos de volta à Casa das Hostesses.
         
Resenha do primeiro livro AQUI - RESENHA SEM SPOILER DO PRIMEIRO VOLUME

Como é bom estar de volta à Casa das Hostesses <3
Depois de tudo o que aconteceu no primeiro livro eu fiquei muito tensa, mas achei que estava tudo bem; mero engano, nesse segundo volume a autora conseguiu escrever ainda melhor, com situações que me prenderam, e me deixaram ainda mais angustiada. E conseguiu isso de forma leve sem forçar nada.



Souji ainda está abalado por tudo que aconteceu com seu pai e sua noiva, mas agora ele é o presidente da Takeshi, e está muito focado no trabalho, e esse foco 'exagerado' pode colocar muita coisa em jogo, principalmente seu relacionamento com Selina.
Ele não tem mais tempo para ela, e nem para ir na Casa das Hostesses.


Mas quem leu o primeiro livro sabe que não temos um protagonista (gosto demais disso), então o foco não é em Souji e Selina, e sim em todos os personagens, somos apresentados as suas questões pessoais, suas inseguranças, seus medos, que em muitas das vezes fazem o leitor se identificar.
Relacionamentos terminam, e outros estão mais fortes do que nunca.

Yune vai aparecer nesse livro, é um personagem que me conquistou, ele se encanta por Selina e ali começa uma amizade, ele está frequentando A Casa das Hostesses, e dá a atenção que Selina merece e que Souji não está conseguindo dar;
Será que temos aqui um triângulo amoroso? O relacionamento de Selina e Souji vai ser forte o suficiente? E os outros personagens? Quais suas questões pessoais?

"Não estou pedindo para você aprová-la! Estou pedindo para aceitá-la! Ela é a mulher da minha vida!"

A Déborah se tornou uma das minhas autoras favoritas, eu amo suas histórias, o primeiro livro me deixou em choque, mas esse segundo foi além, e me conquistou ainda mais do que o primeiro conseguiu.
A autora evoluiu muito na escrita, como disse ali em cima, ela focou mais nos personagens, então consegui conhecer melhor cada um deles.
Assim como no primeiro livro, a cumplicidade, a lealdade e o apoio estão presentes em todas as páginas.
E algo que eu achei que NUNCA iria acontecer, aconteceu.. Eu senti muita 'raivinha' do Souji, eu queria ir lá e gritar com ele, pedir para ele parar tudo e ir ficar ao lado da Selina, mas depois eu entendi todas as questões do personagem, a autora coloca muitas mensagens nesse livro, e fala de muitos assuntos sério, mas de forma mais dinâmica.

A edição da Editora PenDragon está linda, o começo de capítulo conta com a silhueta de uma das Hostesses, as páginas amareladas, e a diagramação ótima.

Super indico essa leitura <3

Instagram da Autora | Aonde Comprar: PenDragon 

Beijos!

11 comentários:

  1. Genteee fiquei várias vezes perdida aqui Kkk, eu não li o primeiro livro.
    Mas só pelo que eu entendi eu já gostei, fiquei bem curiosa e com vontade de ler esse livro, apesar de que não gostei muito da capa do livro, mas o jeito que você falou do livro em sua resenha me fez ficar interessada por ele.
    Confesso que consegui entender melhor o que a sinopse quer dizer por causa da sua resenha rsrs.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  2. O livro parece ser bem interessante e intenso, por focar nas questões psicológicas dos personagens. Também achei interessante a história, pode ser que eu leia o livro em um futuro próximo! Abraços.

    ResponderExcluir
  3. Oi Aline
    Não conhecia os livros nem a autora, pelo que entendi Souji passa por coisas bem complicadas no primeiro livro, mas no segundo é ainda pior né?
    Eu não costumo ler coisas do gênero, mas sua resenha me conquistou, estou pensando em dar uma chance para o primeiro livro, e depois para esse.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Esse livro e baseado em um Dorama? Fiquei curiosa acerca disso por causa dos nomes dos personagens! Enfim, não conhecia o livro, a premissa até tem um quê de interessante, então vou pesquisar mais sobre o primeiro livro!
    Linda a resenha ❤️

    ResponderExcluir
  5. Parece ser um livro bem legal, eu não conhecia, mas gostei, bem diferente. Tenho interesse em ler esse livro ainda mais sendo nacional.

    ResponderExcluir
  6. Não li o primeiro livro, mas pela resenha eu fiquei muito interessada. O que despertou esse interesse é a escolha do local da casa de hostesses, e também de não ter uma protagonista. Adorei a resenha e espero ler um dia :)

    ResponderExcluir
  7. Olá.
    Ainda não li nenhum livro da autora, mas fiquei bem curiosa para conhecer essa trilogia/série.
    Fico feliz em saber que a autora se superou na continuação, com uma trama surpreendente e que sua escrita melhorou, fluindo melhor.
    É ótimo quando o autor desenvolve bem seus personagens, pois parecem mais palpáveis para o leitor.
    Espero ter a oportunidade de ler esses livros.
    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Olá, só de saber que a história é ambientada em Tokyo já fiquei louco para ler a obra. A autora realmente consegue manter a fidelidade do leitor ao entregar uma sequência que consegue superar o primeiro volume, o que eleva a ansiedade para o terceiro livro. Beijos.

    ResponderExcluir
  9. Esse livro não faz parte do meu gênero literário preferido, não tenho muito costume de me aventurar nesse tipo de leitura. O que achei mais interessante, além da trama que me parece bastante bem construída, foram as personagens serem o núcleo central da trama, com a atenção se voltando para todas elas. Isso permite ao leitor não apenas tirar suas próprias conclusões sobre cada uma delas, mas conhecer mais a fundo suas razões e sentimentos que conduzem a determinadas atitudes.

    ResponderExcluir
  10. Não conheci o trabalho da autora e pouco conhecia a editora eu não tinha ficado tão interessado em ler o livro mas você falou que ela conseguiu se superar na continuação Então deve ser um sinal de que o primeiro é bom e o segundo é melhor ainda acho que vou reconsiderar a ideia de não ler esse livro

    ResponderExcluir
  11. Que legal, gostei demais da ideia do enredo. Não conhecia a série, mas de cara já fiquei interessado pela característica de não ter uma protagonista definida. A pendragon tem aparecido com muitos livros bons.

    Evandro

    ResponderExcluir