18 julho, 2018

RESENHA | A Face Dos Deuses (As Crônicas da Aurora #1) - Gleyzer Wendrew

Título: A Face Dos Deuses (As Crônicas da Aurora #1)
Autor: Gleyzer Wendrew
Editora: Independente
Páginas: 180
Gênero: Fantasia / Ficção / Literatura Brasileira
Ano: 2017
Skoob
Livro cedido pelo autor
Sinopse: Heros Kinnhäert, rei de Maäen, ainda é atormentado pelos horrores vividos durante a Longa Guerra, e tudo que deseja é descansar em paz. Mas ao saber da terrível aliança entre dois grandes senhores, vê-se preso em uma teia de conspirações nunca antes vista, e não medirá esforços para evitar a destruição de seu país… No Norte, Koran K’Voöhk é um orgulhoso guerreiro que retorna à sua cidade após o exílio que lhe foi imposto ainda garoto, e depara-se com a mais pura decadência: sua Família está em declínio; seu castelo, abandonado aos ratos; seus inimigos, ainda mais poderosos… Conseguirá ele reerguer o nome de sua Família e recuperar o prestígio que ela um dia tivera? Mentiras, laços frágeis, falsas emoções e adagas traiçoeiras permeiam um mundo cercado de religião, política e deuses misteriosos.
                       
A Face dos Deuses é o primeiro volume de As Crônicas da Aurora, onde o autor apresenta uma história no estilo Dark Fantasy, em que a cada virar de página a clemência passa longe.


O leitor é apresentado ao conflito de três reinos: Venn, Vatra e Maäen, nações bem diferentes, com suas culturas e crenças. Cada uma cultuando um Deus diferente, mas ao mesmo tempo reconhecendo a existência de outros sete.
Que são:  Sühnt - deus do sol, Vhäel - deus da vida, Fyaär - deus do ódio, Vaäth - deusa do medo e do desespero, Läa - deusa da tristeza, Sürm - deus do caos, Aehla - deusa da esperança. As faces dos deuses são usadas para representar sentimentos, por isso o título do livro.

Uma guerra do passado passa em flashbacks, ajudando o leitor a entender o que está acontecendo no presente, o porque de certas ações e o que motiva isso. 
A Face dos Deuses acaba sendo uma introdução para apresentar o que está vindo nos próximos volumes, os personagens são sólidos, a narrativa é rápida mas com muitos detalhes que precisam ser entendidos nas entrelinhas. O livro ainda conta com mapa, apêndice e glossário que ajudam em cada descoberta, sem isso o leitor ficaria perdido. O autor criou uma nova língua, algo muito positivo e inovador. 


Se prepare para intrigas, traições, crueldade, mortes (sangue e muito sangue), alianças, poder, cobiça...
Um livro nacional fascinante, como disse mais acima, aqui somos apresentados ao que está por vir, conhecendo mais de cada reino, cultura e a Longa Guerra. Terminei esse livro querendo mais, o autor termina ele de forma que é impossível não querer ler o próximo volume. 

A edição está linda, têm ilustração até dos brasões, a cronologia dos acontecimentos, e o prólogo de A Dança Dos Motos, próximo livro de As Crônicas da Aurora.

"Não existe justiça no reino dos homens. Isso não é sobre o que é ou não justo! É sobre fazer o que é certo!"

Instagram do Autor | Facebook | Aonde Comprar: Amazon | Físicos direto com o autor

12 comentários

  1. Ah nossa literatura!
    Dá um orgulho né? Saber que é nossa literatura trazendo não somente um enredo de fantasia tão completo,mas também uma capa tão linda.
    Como não conhecia o livro,mas por adora o gênero, com certeza, quero ter a oportunidade de poder conferir a trilogia inteira!!!
    Beijo

    ResponderExcluir
  2. Essa capa é bem interessante e fico feliz pela edição fazer jus a ela e estar muito boa contendo glossários, apêndices, mapas, o mundo criado pelo autor parece ter te agradado bastante e ansiar pela continuação é super positivo numa história ;)

    ResponderExcluir
  3. Olá Aline! Gostei bastante do universo que o autor criou, beeeem dark fantasy. Só acho que vou ter problema para pronunciar esses nomes esquisitos mas tudo bem. Com todos esses detalhes a diagramação está impecável mesmo. Vou aguardar a resenha dos próximos volumes da série. Beijos

    ResponderExcluir
  4. Olá, a obra sem dúvida chama bastante atenção pelo universo criado, ainda que seja possível identificar claros elementos derivados de As Crônicas de Gelo e Fogo, o que pode desagradar quem busca algo realmente original. Contudo, é impossível não ficar curioso para adentrar no contexto da história. Beijos.

    ResponderExcluir
  5. Não li nenhuma história no estilo dark fantasty, mas vejo que é bem interessante. Um livro caprichado para desenvolver sua história de forma deferente, eu gosto.

    ResponderExcluir
  6. Esse lançe de Longa Guerra me lembrou Game of Thrones..kk,adoro essa série,acho que também ia amar a historia desse livro!! Gosto de tramas com guerras bem travadas e cheias de mistérios,a capa do livro ficou linda!!

    ResponderExcluir
  7. Quando você tinha postado sobre ele a primeira vez meu interesse não foi tanto quanto agora.
    Na época eu nunca tinha lido fantasia (principalmente dark) e como isso mudou recentemente (que por sinal estou fascinada nesse gênero), fiquei encantada e bem curiosa com a história!

    ResponderExcluir
  8. A capa do livro é bem divertida mas a história é simplesmente incrível. A escrita do autor é ótima, ele mostra conteúdo do livro bem detalhado, os personagens são bem construídos. Gosto de gênero de fantasia esse livro é bem desenvolvido. Excelente a resenha do livro!

    ResponderExcluir
  9. Por estar atualmente apaixonada por fantasia, já me interesso pela leitura. Ainda não havia lido algo nesse estilo ou que seja nacional, mas a ideia de conhecer me empolga. Parece um livro cheio de criatividade, o autor não mediu esforços ao criar seu próprio universo, visto que até uma nova língua criou (achei isso incrível). Gostei bastante.

    ResponderExcluir
  10. Olá Aline!
    De fato, a edição está lindíssima, e que bom que o autor se preocupou em fazer com que o leitor entendesse completamente a histórias, inclusive o mapa ficou incrível!
    Sendo sincera, não nego que é um enredo incrível, principalmente para os fãs de fantasia, mas não me prende tanto, vou esperar resenha do próximo para saber mais sobre a história.
    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Mana do céu 😰 que livro é esse Jeová. Parece ser bem uou mesmo, mas não sei se eu leria, fiquei com medo só de olhar essa capa Rsrsrs.

    ResponderExcluir
  12. Aline!
    Bem difícil ver bons livros de fantasia nacional e gostei muito da sua análise, embora tantos nomes complicados dos protagonistas e lugares, tenham me confundido um pouco e saber que tem uma espécie de glossário e um mapa para nos localizarmos melhor, aguça a curiosidade.
    Bom final de semana!
    “O prazer dos grandes homens consiste em poder tornar os outros felizes..” (Blaise Pascal)
    cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA JULHO - 5 GANHADORES - BLOG ALEGRIA DE VIVER E AMAR O QUE É BOM!

    ResponderExcluir

Copyright © 2018 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo